Menu
2019-12-03T06:53:12-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Taxas no radar

EUA ameaçam elevar tarifas à Europa e impor taxas de até 100% sobre US$ 2,4 bi em produtos da França

Governo norte-americano afirma que publicará um Aviso de Registro Federal sobre o processo ainda nesta semana

2 de dezembro de 2019
19:07 - atualizado às 6:53
Imagem de uma cédula de dólar com zoom
Imagem: Shutterstock

O Escritório do Representante Comercial dos Estados Unidos (USTR, na sigla em inglês) anunciou nesta segunda-feira que está iniciando um processo para avaliar a elevação de tarifas a produtos da União Europeia, após a Organização Mundial do Comércio (OMC) ter rejeitado as últimas apelações do bloco no caso dos subsídios à fabricante de aviões Airbus.

"As descobertas de hoje confirmam que, apesar de perder em cinco relatórios anteriores da OMC, a Europa permanece mais focada em gerar litígios sem mérito do que em abordar os subsídios maciços à Airbus que continuam a prejudicar a indústria aeroespacial dos EUA e seus trabalhadores", escreveu em um comunicado o representante comercial americano, Robert Lighthizer.

O USTR afirma que publicará um Aviso de Registro Federal sobre o processo ainda nesta semana. "À luz do relatório de hoje e à falta de progresso nos esforços para resolver esta disputa, os EUA estão iniciando um processo para avaliar o aumento das tarifas e sujeitando produtos adicionais da UE às tarifas", diz o comunicado.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

No dia 14 de outubro, a OMC já havia dado autorização para que os EUA impusessem sanções comerciais de até US$ 7,5 bilhões a produtos da UE, após ter decidido que subsídios concedidos pelo bloco à Airbus são ilegais.

Na decisão de hoje, a OMC diz que "com base nas análises e descobertas anteriores, concluímos que a União Europeia não tomou medidas apropriadas para remover os efeitos adversos".

França

O governo dos EUA também ameaçou impor tarifas de até 100% sobre US$ 2,4 bilhões em importações de produtos franceses e também considera impor taxas ou restrições a serviços da França.

O EUSTR afirmou, em comunicado, que o motivo é o Imposto sobre Serviços Digitais do país europeu. "A decisão de hoje do USTR envia um sinal claro de que os EUA irão agir contra regimes fiscais digitais que discriminam ou impõem encargos indevidos às empresas norte-americanas", disse Lighthizer.

Um relatório divulgado pelo USTR concluiu que o imposto francês é "inconsistente com os princípios vigentes da política tributária internacional e é incomumente oneroso para as empresas americanas afetadas". "Especificamente, a investigação do USTR constatou que o imposto da França discrimina empresas digitais americanas como Google, Apple, Facebook e Amazon", acrescentou o representante comercial.

Lighthizer escreveu, ainda, que os EUA consideram abrir investigações sobre impostos digitais da Áustria, Itália e Turquia.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Projeções para 2020

Os melhores investimentos do mundo: as apostas da BlackRock para 2020

Entre os ativos preferidos da gestora global para o ano que vem estão as ações e os títulos de renda fixa dos mercados emergentes

MUDANÇAS À VISTA?

Concessionária de Viracopos ‘sinaliza’ com processo de devolução, diz ministro

No fim de novembro, a Aeroportos Brasil, administradora de Viracopos, protocolou na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) as considerações finais do processo de caducidade (extinção) do terminal de Campinas

Leilões

Governo projeta até 44 leilões para 2020, incluindo a rodovia presidente Dutra

Em 2019, segundo o ministro, o governo realizou 27 licitações. Foram 13 terminais portuários, um trecho da Ferrovia Norte-Sul, as rodovias BR-364 e 365 e 12 aeroportos

O Ibovespa e o eu do futuro

A Helena, minha filha de nove anos, e os amigos da escola decidiram escrever uma carta para o “eu do futuro” como trabalho de final de ano – hoje é o último dia de aula. Eu nunca tive esse tipo de atividade quando criança, mas já pensei várias vezes em como seria fazer algo do […]

Pelos poderes de Grayskull

Com corte na Selic e alívio na guerra comercial, o Ibovespa teve a força nessa semana

Sinalizações amigáveis do BC em relação à taxa de juros, visão positiva da agência de risco S&P quanto ao Brasil e acordo comercial entre EUA e China: eis os superpoderes do Ibovespa nesta semana

ENERGIA

Eletrobras e Ande fecham acordo sobre divisão de energia de Itaipu

Ainda de acordo com a nota, agora será possível a formalização dos contratos entre a entidade binacional e as empresas compradoras

OUÇA O QUE BOMBOU NA SEMANA

Podcast Touros e Ursos: Mais um corte na Selic. Será o último?

Os repórteres do Seu Dinheiro comentam o novo corte de 0,5 ponto na Selic e discutem os próximos passos do BC em relação à taxa de juros

Ação sobe forte

Investidor vê descoberta de fraude contábil na Via Varejo como parte da “faxina” da nova gestão

Apesar do prejuízo que pode chegar a R$ 1,4 bilhão no balanço do quarto trimestre, as ações da companhia (VVAR3) registram forte alta hoje na bolsa

Última forma

Agora que o governo voltou atrás, saque aniversário do FGTS ficou mais vantajoso

Há mais ou menos um mês eu publiquei aqui no Seu Dinheiro uma matéria sobre em quais situações o saque aniversário do FGTS valeria a pena. Trata-se de uma nova modalidade de saque do fundo de garantia em que o trabalhador pode escolher receber uma parte dos seus recursos depositados no fundo uma vez por […]

IPO À VISTA

Bahia pretende abrir capital da Embasa em 2020 e arrecadar de R$ 4 bi a R$ 5 bi

Segundo ele, o tema já está sendo discutido com bancos nacionais e internacionais, como Banco do Brasil, Caixa e Santander

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements