Insights de investimento, análises de mercado e muito mais! Siga o Seu Dinheiro no Instagram

2022-01-27T15:11:24-03:00
Guilherme Valle
NOVOS NEGÓCIOS

Google está de olho nas criptomoedas e vai criar unidade de negócio dedicada ao blockchain; entenda o que está por trás da decisão

Antes de se aventurar, gigante de tecnologia assistiu com cautela às movimentações das concorrentes para entrar no mercado de criptomoedas

24 de janeiro de 2022
17:57 - atualizado às 15:11
Logo do Google
A nova unidade deve integrar a também recém inaugurada divisão Labs da companhia, responsável pelos projetos de realidade virtual e aumentada do Google — Imagem: Shutterstock

O momento pode não ser o melhor para as criptomoedas, mas isso não reduz o interesse dos gigantes da tecnologia nesse mercado. O Google deverá criar uma nova unidade de negócio exclusivamente dedicada a tecnologias que façam uso do blockchain e outras tecnologias de computação descentralizada, como é o caso do DeFi.

A informação foi obtida pela agência Bloomberg a partir de um email interno do Google.

A nova unidade deve integrar a também recém inaugurada divisão Labs da companhia, responsável pelos projetos de realidade virtual e aumentada do Google.

A unidade estará sob a liderança de Shivakumar Venkataraman, engenheiro que trabalhou por 20 anos no serviço de anúncios Google Ads, carro-chefe da companhia.

A decisão é o mais novo capítulo da gradual entrada do Google no mercado cripto. 

Até agosto do ano passado, crypto wallets estavam proibidas de contratar o Google Ads. A empresa também não aceitava criptomoedas como forma de pagamento por seus serviços.

Mas tudo isso começou a mudar. A parceria entre Gemini e Google Pay, celebrada em abril de 2021, permitiu que alguns usuários comprassem Bitcoins através de moedas “convencionais” utilizando a plataforma.

Na sequência vieram Coinbase e Bakkt. Em casos específicos, as parcerias permitiram o uso de criptomoedas para o pagamento de bens e serviços transacionados via Google Pay.

Em entrevista concedida à Bloomberg, Bill Ready, presidente do segmento de comércio do Google, admitiu que a companhia está à procura de parceiros para ampliar o leque de serviços financeiros que oferece, possibilitando que seus usuários comprem e vendam criptomoedas através do Google Pay.

Concorrentes

O mercado cripto tem sido bastante disputado pelas gigantes da tecnologia. Recentemente, o Twitter implementou funcionalidade que torna possível o pagamento de gorjetas em criptomoedas para usuários do site.

A rede social também anunciou uma funcionalidade que permitirá que o usuário conecte sua wallet e utilize uma NFT como imagem de perfil.

Já a Meta (o antigo Facebook) está tentando, com dificuldades, emplacar sua própria criptomoeda, a Diem. E também lançou sua própria wallet, a Novi, que está conectada com o Whatsapp.

A Amazon é outra big tech que não ignora o segmento e opera um serviço de blockchain “gerenciado”, que possibilita a operação de redes privadas e a interação entre diferentes blockchains, como Bitcoin e Ethereum.

Veja também:

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

DESTAQUES DA BOLSA

Incorporadoras da B3 sobem forte com novidades no programa Casa Verde e Amarela; veja quais ações mais ganham com as atualizações

As mudanças já anunciadas e outras ainda em discussão no Ministério do Desenvolvimento Regional trazem alívio ao segmento hoje

O pior já passou?

De volta ao céu? JP Morgan recomenda compra das ações da Cielo (CIEL3) e ações disparam na bolsa

Para os analistas do banco americano, a Cielo tem se mostrado eficiente em conter custos e repassar o preço aos seus clientes

EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Não confie em alguém maior de idade que nunca tenha ido lá

Em um mundo ideal, eu evitaria investir em estatais, mas, o mercado morto de fome nos convida a alimentar o corpo e a alma com as saborosas ELET3, PETR4 e BBAS3 no Ibovespa

DE VOLTA À MESA

Privatização da Petrobras (PETR4) vai acontecer? Para Guedes, se Bolsonaro for reeleito, sim; confira o que disse o ministro em Davos

O ministro da Economia ainda afirmou que o Brasil está saindo da crise “na frente da curva” e que a inflação no país poderia ter atingido o pico e logo começaria a recuar

UM INIMIGO A ESPREITA

Bitcoin (BTC) cai para US$ 28 mil e ameaça mercado de criptomoedas com liquidação de US$ 1,73 bilhão prevista para amanhã; entenda

Enquanto voltamos ao mesmo patamar de medo, a velha Regra da Morte está no radar dos investidores por mais um dia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies