O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2021-02-02T14:13:27-03:00
Estadão Conteúdo
abrindo caminhos

TransferWise e Visa anunciam parceria para expandir cartões de débito multimoeda

Parceria permitirá o primeiro uso do Visa Cloud Connect, plataforma que possibilita que fintechs e parceiros se conectem à VisaNet, a rede de processamento global da Visa

2 de fevereiro de 2021
14:12 - atualizado às 14:13
visa
Imagem: Shutterstock

A TransferWise e a Visa anunciaram uma parceria que permitirá o primeiro uso do Visa Cloud Connect. A plataforma possibilita que fintechs e parceiros se conectem à VisaNet, a rede de processamento global da Visa, por meio de nuvem pública.

O acordo entre as duas empresas, divulgado nesta terça-feira, 2, permitirá a expansão dos cartões de débito da conta multimoeda da fintech para algumas regiões, incluindo a América Latina.

A utilização do Visa Cloud elimina a necessidade de investimentos vultosos em conectividade local, acelerando os planos de lançamento da TransferWise.

"Estamos entusiasmados em ver como o resultado de nossa colaboração afeta a próxima geração de instituições financeiras multinacionais em todo o mundo", afirma Kristo Käärmann, co-fundador e CEO da TransferWise.

O vice-presidente e chefe de produtos da Visa, Jack Forestell, destaca ainda que a parceria vai abrir caminhos para outras empresas do setor. "Por meio do trabalho com a TransferWise, criamos um mapa que ajudará outras fintechs a se conectarem à imensa escala e alcance da Visa com rapidez e segurança", afirma Forestell.

A TransferWise, com 10 milhões de clientes e movimentando US$ 6 bilhões em transações internacionais a cada mês, será a primeira empresa a se integrar globalmente com a Visa por meio de uma única camada.

Desde o lançamento da conta multimoeda da TransferWise em 2018, a empresa já emitiu mais de 1 milhão de cartões de débito por meio dos processadores e parceiros existentes.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

SOBE E DESCE

IRB (IRBR3) lidera pelotão de altas do Ibovespa e Méliuz (CASH3) vai na direção oposta — veja o que foi destaque na bolsa na semana

Lá fora, as negociações da semana foram marcadas pela entrada do S&P 500 no chamado bear market, ou território de queda; por aqui, o principal índice da B3 acumulou ganhou de 1,46%

NOITE CRIPTO

Não deu para o bitcoin (BTC): maior criptomoeda do mundo tenta, mas patamar de US$ 30 mil escapa; confira cotações

Agora, os investidores devem permanecer tentando sustentar esse suporte psicológico importante e entrar na próxima semana no “zero a zero”, antes de tentar buscar novas altas

REVISÃO CUSTOU CARO

B3 (B3SA3) volta a corrigir erro nos dados e revela que 2021 terminou com fluxo estrangeiro negativo após R$ 77,9 bilhões em dinheiro gringo “sumirem” da conta

Vale lembrar que a entrada de capital estrangeiro ajuda na performance do mercado acionário e de câmbio. Por isso, a nova cifra não pinta um quadro positivo para o país

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa ignora tensão em Nova York, os planos de Elon Musk para o Brasil e o salto da GetNet; confira os destaques do dia

Por enquanto, o Ibovespa segue avançando, apesar do desempenho ruim das bolsas pelo mundo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies