Menu
2020-03-16T07:31:33-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
efeito coronavírus

Na China, produção industrial e vendas no varejo despencam no 1º bimestre

Piora dos indicadores de atividade ocorreu em meio à crise do coronavírus no país, que provocou medidas agressivas – como fechamento de cidades inteiras – para controle do surto

16 de março de 2020
7:31
Indústria na China
Fábrica de automóveis em Linhai, cidade no nível do condado em Taizhou, província de Zhejiang. Leste da China. - Imagem: Shutterstock

A produção industrial da China recuou 13,5% no primeiro bimestre de 2020, ante igual período de 2019, informou há pouco o Escritório Nacional de Estatísticas (NBS, na sigla em inglês).

O resultado é pior do que os 3% de queda esperados por analistas ouvidos pelo Wall Street Journal.

As vendas no varejo cederam 20,5%, quando era esperado uma baixa de 5%. Os investimentos em ativos fixos mergulharam 24,5%, ante projeção de queda de 1%. E o desemprego urbano subiu de 5,2% em dezembro para 5,7% no fim de fevereiro.

A piora dos indicadores de atividade ocorreu em meio à crise do coronavírus no país, que provocou medidas agressivas - como fechamento de cidades inteiras - para controle do surto.

*Com Dow Jones Newswires e Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Posto Ipiranga

Guedes elogia Caged e cobra Congresso por reformas

O Ministério da Economia irá divulgar todos os dados na quinta-feira (26)

balanço do mês

Dívida Pública Federal sobe 2,47% em outubro e chega a R$ 4,6 trilhões

Instituições financeiras foram as principais detentoras da Dívida Pública Federal interna, com 28,1% de participação no estoque

reajuste

Petrobras aumentará gasolina em 4% e diesel em 5% nas refinarias

Este é a segunda elevação de preços em novembro e segue a alta do petróleo no mercado internacional

saúde na bolsa

Bank of America: Com foco em saúde, ação da SulAmérica está barata e tem perspectiva positiva

Para o banco, a companhia opera 70% abaixo do potencial e tem espaço para crescer e se aproximar dos outros players do mercado de saúde

PESSIMISMO

Risco fiscal impede Brasil de aproveitar bom momento dos mercados globais

Rogério Xavier, da SPX Capital, e Carlos Woelz, da Kapitalo Investimentos, criticam duramente falta de interesse em controlar contas públicas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies