Menu
2020-07-02T10:23:53-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Dinheiro no bolso

XP movimenta US$ 955 milhões em nova oferta

Segundo a corretora, foram oferecidas 19.535.420 de ações detidas até então pelo fundo de private equity General Atlantic e pela XP Controle

2 de julho de 2020
10:20 - atualizado às 10:23
XP investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A XP Investimentos anunciou nesta quinta-feira (2) que movimentou US$ 954,8 milhões em uma oferta de ações na Nasdaq, com a ação definida a US$ 42,50. No câmbio de ontem, o valor corresponde a R$ 5,06 bilhões.

Segundo a corretora, foram oferecidas 19.535.420 de ações detidas até então pelo fundo de private equity General Atlantic e pela XP Controle (holding que reúne a participação dos sócios e executivos), além de 2.930.313 papéis de um lote complementar.

O dinheiro deve ser embolsado pelos acionistas vendedores. A oferta de ações teve coordenação da XP Investimentos, além do Morgan Stanley, Goldman Sachs e J.P. Morgan.

O Itaú, que nos últimos dias entrou em um conflito público com a XP, não vendeu sua participação. O próprio CEO da XP, Guilherme Benchimol, havia sinalizado que o banco poderia vender sua participação se não estivesse satisfeito com a sociedade.

A briga entre os sócios começou depois que o Itaú lançou uma campanha publicitária na qual critica o modelo de agentes autônomos adotado pela corretora – embora o nome da XP não seja citado.

No último dia 29, a corretora informou que deve ter lucro líquido ajustado entre R$ 420 milhões e R$ 520 milhões no segundo trimestre de 2020, ante R$ 228 milhões do mesmo período do ano passado. Os dados são da prévia operacional.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Novo corte

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 2,00% ao ano

Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central cortou a Selic mais uma vez

Mínima histórica

Banco Central reduz Selic para 2% ao ano e sinaliza fim do ciclo de cortes de juros

Essa foi a nona (e última?) redução consecutiva no atual ciclo de queda da Selic, que começou em julho do ano passado

Apuração do SD Premium

VVAR3: Via Varejo sobe 25% em um mês e confirma previsão de analistas consultados pelo Seu Dinheiro

Companhia segue em franco crescimento e foi a mais listada como favorita pelas corretoras e bancos, segundo apuração exclusiva feita aos leitores do SD Premium; dentre as recomendações, Banco Inter e Sinqia também trouxeram bons frutos

CRYPTO NEWS

O bitcoin e outras criptomoedas estão subindo. Você sabe como se aproveitar desse ‘bull market’?

Qual seria a alocação ideal para capturar o movimento? Tenho algumas proposições que vão das mais conservadoras até a mais ousada

Mercados hoje

Ibovespa fecha em alta consistente com exterior e expectativa de novo corte de juro

Dólar subiu com comentários de Guedes, mas situação global da moeda limitou alta

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements