Menu
2019-06-17T10:07:25-03:00
Estadão Conteúdo
mais um índice

Balança comercial encerrou maio com superávit de US$ 6,3 bilhões, diz FGV/Icomex

Números foram divulgados nesta segunda-feira, 17, pela Fundação Getulio Vargas (FGV); resultado acumulado no ano foi de um superávit de US$ 22,1 bilhões.

17 de junho de 2019
10:07
Indústria de automóveis
Imagem: shutterstock

A balança comercial encerrou o mês de maio com um superávit de US$ 6,3 bilhões, segundo os dados do Indicador do Comércio Exterior (Icomex), divulgados nesta segunda-feira, 17, pela Fundação Getulio Vargas (FGV). O resultado acumulado no ano foi de um superávit de US$ 22,1 bilhões.

Em valor, as exportações cresceram 10% em maio de 2019 ante o mesmo mês de 2018. As importações aumentaram 12,9% no período. No acumulado do ano até maio, as exportações recuaram 0,9% em relação ao mesmo período de 2018, enquanto as importações cresceram 1,8%.

Em termos de volume, o destaque foi o crescimento de 27,5% nas exportações da indústria de transformação em maio deste ano ante o mesmo mês do ano passado. Por outro lado, houve queda nas vendas externas da agropecuária e da indústria extrativa.

"É um resultado a ser observado, pois essa melhora não se explica pelo desempenho do setor automotivo. No caso, foram exportações de bens semiduráveis e intermediários que explicam o resultado. Como observado, no caso dos bens semiduráveis, exportações de calçados e confecções e nos intermediários, o elevado aumento (próximo a 50%) se deve a uma base reduzida de exportações em maio de 2018", ponderou a FGV, em nota oficial.

As exportações para os Estados Unidos aumentaram em 72% em maio de 2019 ante maio de 2018, puxadas por óleo bruto de petróleo e semimanufaturados de ferro e aço.

As exportações para a Argentina vêm registrando recuos desde o início do ano, devido à crise econômica do país vizinho. No caso da China, as vendas mostram desaceleração ou queda desde março, informou a FGV.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

novos rumos

Com Biden, meio ambiente entra no foco de comércio entre Brasil e Estados Unidos

Exportadores brasileiros passam a ter outro motivo de apreensão a partir de hoje, com a chegada de Joe Biden à Casa Branca

simplificação

Governo federal lança sistema para simplificar a abertura de empresas

Segundo o Ministério da Economia, empreendedores podem abrir empresas em apenas um dia e sem necessidade de percorrer vários órgãos públicos

fim da barreira

China autoriza retomada da exportação de carne de duas unidades da JBS

Com isso, todas as restrições impostas à exportação da JBS para a China ao longo de 2020 foram levantadas e a companhia volta a ter 25 unidades aptas a exportar para o país asiático

DESTAQUES DA BOLSA

Ações ligadas ao e-commerce sobem com “efeito Netflix” e entusiasmo por Biden

Desempenho positivo da Netflix puxa Nasdaq e reflete nas empresas da “nova economia” listadas na bolsa brasileira

entrevista

Fusão entre Fiat e Peugeot tem objetivo de evitar o fechamento de fábricas, diz presidente da Stellantis

Operação reuniu 14 marcas sob uma única organização, com vendas de cerca de 8 milhões de unidades e faturamento (antes de sinergias) de € 167 bilhões

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies