Menu
2019-04-04T12:26:07-03:00
Estadão Conteúdo
Conforme estimativas

Inflação anual da zona do euro acelera a 1,5% em fevereiro, confirma revisão

Apenas o núcleo do índice de preços ao consumidor do bloco, que exclui os preços de energia e de alimentos, avançou 0,3% em fevereiro ante o mês anterior e registrou acréscimo de 1% na comparação anual

15 de março de 2019
8:02 - atualizado às 12:26
Zona do Euro
Imagem: shutterstock

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) da zona do euro subiu 1,5% na comparação anual de fevereiro, ganhando força em relação ao aumento de 1,4% verificado em janeiro, segundo dados finais divulgados hoje pela agência de estatísticas da União Europeia, a Eurostat. O resultado de fevereiro confirmou a estimativa prévia e veio em linha com a projeção de analistas consultados pelo Wall Street Journal.

A leitura final deixou a inflação na zona do euro mais próxima da meta do Banco Central Europeu (BCE), que é de uma taxa ligeiramente inferior a 2%.

Em relação a janeiro, o CPI da região teve alta de 0,3% em fevereiro, também em linha com a projeção do mercado.

Apenas o núcleo do CPI do bloco, que exclui os preços de energia e de alimentos, avançou 0,3% em fevereiro ante o mês anterior e registrou acréscimo de 1% na comparação anual. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

NÚMEROS DA PANDEMIA

Em 24 horas, país registra 721 mortes e 34 mil novos casos de covid-19

Desde início da pandemia, Brasil acumulou 254.942 óbitos e 10.551.259 casos de covid-19, segundo Ministério da Saúde

CARDÁPIO DE BALANÇOS

Na disputa pelo e-commerce, Magazine Luiza, Via Varejo e B2W divulgam resultados; veja o que esperar

Empresas foram pouco, ou nada, prejudicadas pela pandemia de covid-19 e devem fechar 2020 com números positivos

Começou!

Prazo para entregar declaração de IR começa hoje; veja as vantagens de declarar cedo

Prazo de entrega da declaração de IR 2021 começa nesta segunda (1º) e vai até de 30 de abril; entenda por que pode ser uma boa se apressar

Segredos da bolsa

Com PIB brasileiro em foco, investidores monitoram juros futuros americanos e tensão em Brasília

O grande evento da semana é a divulgação dos números do Produto Interno Bruto brasileiro no ano passado, mas os investidores também monitoram o clima político em Brasília e os sinais de “superaquecimento” da economia americana

Novos tempos

Alvo de Bolsonaro, home office avança no setor público

Bolsonaro usou trabalho remoto para atacar presidente da Petrobras

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies